• Admin

Franquias de bagagem: o que mudou com a nova resolução da ANAC


As empresas aéreas já podem cobrar uma taxa extra aos passageiros que quiserem despachar suas bagagens.

Após uma polêmica intensa na justiça, a 10ª Vara da Justiça Federal do Ceará derrubou a liminar que impedia a cobrança. Com a nova resolução da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) em vigor, além de outras alterações, as companhias poderão cobrar uma taxa extra aos passageiros que quiserem despachar suas bagagens.

Agora, ficará a critério da companhia aérea escolher quantas e quais das suas tarifas incluirão ou não a franquia de bagagem.

Algumas empresas já se adequaram às mudanças e anunciaram os valores que pretendem cobrar pela franquia de bagagem.

Confira:

Nacionais

Azul Desde o início de junho, para voos domésticos, a Azul afirmou que manterá sua tarifa atual (MaisAzul), que já inclui uma franquia de bagagem de até 23 quilos, e incluirá uma nova modalidade com desconto de 30% para os passageiros que partem de Viracopos (Campinas) e que decidirem não despachar suas malas.

Nesta última categoria, que ganhou o nome de Azul, o cliente terá que pagar R$ 30 a mais se mudar de ideia e quiser despachar sua bagagem, sempre até o limite de 23 quilos.

Gol Na Gol, será oferecida uma nova classe tarifária mais barata, chamada de Light, para aqueles que não despacharem suas malas em voos domésticos.

Se mudar de ideia, o passageiro terá que pagar R$ 30 a mais pela franquia de bagagem, caso a contrate nos canais digitais da empresa (site e aplicativo, por exemplo), ou R$ 60, se solicitar diretamente no balcão de check-in. Para voos internacionais, a franquia custará US$ 10 e US$ 20, respectivamente.

LATAM Brasil A Latam Brasil reduziu o valor que será cobrado pelo despacho de bagagem dos clientes que comprarem passagem em categorias de tarifa que não incluam o serviço. Inicialmente, a companhia afirmou que cobraria R$ 50 por volume, mas, em comunicado divulgado ontem anunciou que o preço será, na verdade, de R$ 30.

Avianca Voos Domésticos: A franquia de bagagem estabelecida pela Avianca Brasil em voos domésticos é de: 23kg.

Voos Internacionais: A franquia de bagagem estabelecida em trechos operados pela Avianca Brasil em voos internacionais varia de acordo com o país ou a região (acesse avianca.com.br para informações detalhadas).

Internacionais

Aeroméxico A companhia não irá alterar suas políticas de transporte de bagagem por enquanto. Seguem valendo as seguintes regras: passageiros da classe econômica podem levar duas bagagem de no máximo 32 kg cada uma, e passageiros da classe Premier podem levar três bagagens de no máximo 32 kg cada uma dela.

American Airlines A American Airlines manterá as mesmas franquias. Passageiros poderão despachar sem custo duas bagagens de até 32 kg e levar mais uma bagagem de mão de 10 kg. A política é válida para todas as classes.

Air Europa A companhia manteve a mesma franquia de bagagem para voos internacionais. Passageiros podem levar uma mala de mão de até 10 kg e despachar duas malas de até 32 kg cada.

Copa Airlines Bagagens de até 32kg são livres de taxas. A partir de 33kg acima é cobrada uma taxa de U$ 250.

#franquiadebagagem #ANAC

23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo